A tal lista de resoluções

 

Pearl Jam é tão bom né? clique aqui para ouvir uma musiquinha deles.

Quando chega nessa época a gente começa a montar aquela listinha de resoluções para o ano que virá. Talvez você não chegue a escrever os planos para o ano novo num papel, mas se for como eu (virginiana e louca da organização) irá montar uma listinha, colocando ali cada coisa que pretende conquistar o novo ano que se inicia. Mas já havia uma listinha do ano que esta ficando para trás, e nessa lista provavelmente continha coisas que você pretendia alcançar.

A gente começa o ano já pensando em fazer milhões de coisas, mas aí o ano vai passando e você talvez não tenha conseguido fazer essas coisas e começa a se sentir a pior das criaturas por não ter alcançado seus objetivos. Mas acredito que a gente acaba se esquecendo de como é ruim se sentir assim, e quando chega dezembro, voltamos de novo a listar coisas impossíveis para o ano seguinte. Perder os tais cinco quilos, descobrir um talento, morar fora, casar, ter filhos, descobrir o que você quer da vida. A gente começa o ano com tantas cobranças em cima de si mesmo, conforme o tempo vai passando e você não pode colocar o sinalzinho de feito na frente de cada item parece que o ano de nada valeu.


Acontece que você foca tanto nessas coisas mais difíceis de acontecer e se esquece de ver tudo que conquistou de bom. Talvez você não tenha emagrecido os cinco quilos, mas começou a correr uma vez por semana e está conseguindo subir escadas sem se sentir exausta. Talvez não tenha descoberto de fato um talento, mas se uniu a uma causa e está ajudando pessoas. Talvez não tenha casado, mas foi conhecer sua amiga que mora em outro estado, sozinha. Talvez não tenha tido filhos, mas deu uma vida nova para um cãozinho de rua.

Então, nessa lista que vamos fazer para 2017, (não adianta, nós vamos fazer uma lista) vamos listar coisas alcançáveis e que possa nos motivar a alcançar outras coisas maiores. Veja bem, não estou dizendo que não somos capazes de conquistar grandes feitos, mas não é necessário mudar o ano para que isso aconteça. Não coloque um fardo tão pesado em seus ombros, não se cobre tanto assim, deseje coisas simples, elas também possuem valor e merecem ser comemoradas.


Deseje aceitar o seu corpo, ao invés de tentar emagrecer para entrar num padrão que dizem ser o certo para você. Deseje ser luz na vida de alguém, não há maior talento que esse. Deseje encontrar o amor em cada pessoa que encontrar, e não só um amor da sua vida, não há só um amor para a sua vida, deseje ver amor em cada detalhe de seu dia. Deseje viajar mais, mas se sair da sua cidade não for possível agora, então deseje visitar o parque do bairro que você mora há anos e ainda não conhece. Deseje descobrir uma coisa boa para agradecer todos os dias, pode ser até ser grato por não se esquecer de levar guarda chuva na bolsa para o trabalho, o que evitou você de tomar uma baita chuva.

Deseje alcançar sonhos simples. Não significa se contentar com pouco ou não se achar capaz de conquistar mais, significa não se pressionar a atingir objetivos que talvez no fim não te tragam a felicidade que você esperava. Que nesse novo ano a gente consiga ver felicidade em pequenas coisas e assim sentir que cada dia merece a sua comemoração, que cada dia é ano novo, que a cada dia você é capaz de conquistar mais coisas, cada vez maiores, sonhos cada vez mais lindos, sem esquecer que se você também não conseguir conquistar, está tudo bem, você continua sendo um vencedor.

Vamos praticar isso aí?

O que achou do texto? Deixe seu comentário e leia mais textos da Larissa aqui.

*Fonte da imagem

Você pode gostar também

0 comentários

Deixe sua opinião! Amamos entrar em contato com vocês.